10 mitos sobre Startups. Você não vai acreditar no #7!

2017-08-05T21:14:04+00:00

Pela forma com que a mídia retrata o assunto startup, parece que é tudo muito lindo e maravilhoso, um “conto de fadas moderno”. Lemos sobre os grandes empreendedores, como eles vieram do nada e tiveram sucesso mundial, ficaram milionários e hoje são autoridades no assunto… E que tudo isso foi fruto de uma grande ideia revolucionária que eles tiveram. Hoje vamos tentar desmistificar alguns destes mitos, até por que, esse é um dos motivos pelo qual o Colisões foi criado. É claro que existem muito mais do que 10 mitos circulando pelo mercado, mas vamos começar com esses que com certeza serão tratados no curso Colisões. Estes mitos foram falados em uma palestra do Vinícius Machado para os empreendedores do Espaço NAVE, da Universidade Estácio de Sá (foto).

MITO 01 – “Vou ficar muito rico, em pouco tempo, com a minha Startup”

Talvez o maior dos mitos, o de que ter uma startup é sinônimo de ficar rico, porém, isto está extremamente longe da realidade. O que acontece é que por ser algo repetível e escalável, é POSSÍVEL que você cresça bastante sem aumentar muito sua estrutura de custos e isso irá maximizar o seu lucro. Mas também é possível que você ache uma mala de dinheiro na rua, é possível que um dia você ganhe na loteira, enfim, possibilidade, não quer dizer é isso um dia irá acontecer de fato.

MITO 02 – “É fácil empreender com uma Startup!”

Outro grande mito é o que a vida de startup é moleza. Muitos pensam: “sem chefe, sem horário de trabalho, podendo trabalhar em casa, que maravilha!” Mas pode não ter mais um chefe, mas significa que você é quem irá assumir as responsabilidades por TUDO o que acontece com a empresa, de bom ou de ruim, não tem mais alguém para quem possa “repassar” os problemas, e vai trocar um chefe por vários (todos os seus clientes). Não ter horário de trabalho, é trabalhar mais! Esqueça hora de fim do expediente, final de semana, feriado, nada disso fará parte do seu vocabulário à partir de agora, e quanto mais a empresa cresce, mais o trabalho cresce, então vai se acostumando! Além de muitas outras coisas que eu não vou falar para não me estender muito, mas no curso Colisões, falaremos sobre isso com calma

MITO 03 – “Vou conseguir milhares de clientes/usuários bem rápido ou investindo pouco!”

Sim, claro! Imagine que você acabou de criar algo que ninguém nunca ouviu falar, que as pessoas não tem certeza se realmente resolve o problema delas e que muitas vezes pode ser inovador (pra você parece legal, mas para o cliente quer dizer: “Não sei como essa coisa funciona”), você acha mesmo que as pessoas faram fila pra usar isso, sendo que elas viveram suas vidas até hoje sem o seu produto ou serviço? Por que elas devem mudar o que já fazem e passar a usar a solução que você oferece? Pois bem meu caro, dar uma boa resposta a essa pergunta será seu grande desafio à partir de agora, não vai ser fácil, vai ter que lutar por cada usuário e vai vibrar à cada novo cliente adquirido!

MITO 04 – “Vou conseguir investimento rapidamente!”

Como nós já dissemos no nosso post sobre como está o ecossistema de empreendedorismo por aqui, os investidores (mesmo pessoas que já investem à muito tempo em outras coisas) ainda estão aprendendo a investir em startups, a mecênica é completamente diferente, e como dissemos quando explicamos por que o Colisões foi criado, muitas startups ainda estão fracassando. Então não pense que será simples conseguir um investidor, pois primeiro ele tem que estar preparado para investir em startups e você deve estar preparado para mostra por que será um dos poucos que vai vingar no futuro.

MITO 05 – “O mercado potencial é de R$ XXXX e por isto eu tenho como ganhar muita grana!”

O fato do mercado ser grande não tem nenhuma relação com a porcentagem desse mercado que você é capaz de atender de forma satisfatória (superando os concorrentes, conquistando clientes e lucrando) por isso, ao invés de querer entrar nos maiores mercados só pelo simples fato daquele mercado ser grande, entre nos mercado que serão mais lucrativos para você, muitas vezes um mercado pequeno que ninguém atende, é melhor que um mercado enorme que você não consegue entrar.

MITO 06 – “Se deu certo no Vale do Silício, vai dar certo no Brasil!”

Isso é uma comparação horrível, são cenários completamente diferentes, com um governo diferente, investidores diferentes, mercado diferente, consumidores diferentes e empreendedores diferentes. Por tanto, quando for empreender, olhe para a sua própria realidade ou para a realidade do lugar onde vai atuar (se é algo que da certo no Vale do Silício, abra sua empresa lá.), com certeza isso trará resultados melhores. Não tem nenhum problema buscar inspiração em outros lugares, porém, saiba como adaptar essa inspiração para a sua realidade, fazer uma cópia não é o caminho.

MITO 07 – “Uma Startup só precisa de um desenvolvedor e um designer!”

Existem muitas startups que possuem um membro que está lá só por que deu a ideia e o desenvolver e o designer a executaram enquanto este primeiro não fez mais nada. Realmente nenhuma startup precisa de um cara só de ideias, mas isso também não quer dizer que apenas um desenvolvedor e um designer sejam suficientes, é preciso que o cara de ideias se transforme no cara de negócios (o Colisões irá ajudar com este processo)! É preciso ter na equipe alguém que pense nas decisões estratégicas, alguém que venda o produto ou serviço, que negocie com clientes e investidores, que apresente a startup em feiras e eventos, por isso que uma startup precisa sim de um cara de negócios, mas não de um cara de ideias. Estes papéis pode ser um designer ou desenvolvedor, mas é preciso ir um pouco além destas características técnicas.

MITO 08 – “Tive uma ideia milionária!”

Me desculpe, mas nessa eu vou ter que ser direto. SUA IDEIA NÃO VALE NADA! Muitas pessoas não gostam nem de contar a “grande ideia que tiveram” por medo de que alguém roube a tal ideia e fique rico no lugar dela (esse é outro mito, roubos de ideia não acontecem assim como as pessoas pensam), mas a ideia não vale nada, o que vale é a execução! É como os trabalhos de escola em grupo, muitas vezes a sala toda tem o mesmo tema, mas uns trabalhos ficam incríveis e outros medíocres, a diferença não foi a ideia, todos partiram do mesmo tema e tinham o mesmo objetivo, o que variou foram as equipes e a forma que cada equipe executou. Mesmo que a sua ideia seja realmente boa, isso não faz diferença se você não tiver capacidade de executá-la.

MITO 09 – “Saí na mídia! Agora o negócio vai bombar!”

Sair na mídia mostra no máximo que você está envolvido com algo que é assunto no momento, mas isso não tem relação direta com as vendas. Hoje os empreendedores valorizam muito o fato de sair na mídia, pois empreender está na moda, é cool, as pessoas querem que o mundo saiba que elas empreendem. Mas para muitas pessoas, isso só serve para fortalecer o próprio ego e com isso acabe se tornando algo irrelevante ao negócio. Sair na mídia pode ajudar a dar um pouco de visibilidade ao negócio, mostrar para possíveis clientes que você existe, porém, só isso não é suficiente para seu negócio bombar.

MITO 10 – “Todo mundo quer inovação!”

Por último, mas não menos importante, temos um grande mito que está fortemente enraizado na cabeça das pessoas, que uma startup tem que ser inovadora, diferente de tudo o que já existiu no mundo e que é isso que as pessoas querem. Este é um grande equívoco. Muitas startups se preocupam com serem inovadoras em primeiro lugar, que acabam criando produtos e serviços complexos demais para seus clientes, ou criando coisas “incríveis” que não resolvem problema nenhum. Acredito que o que as pessoas querem é simplesmente formas mais simples de fazer fazer o que já fazem. Se você parar para pensar, vai ver que grandes empresarios tidos como inovadores e revolucionários como Steve Jobs, Henry Ford, deram para as pessoas formas mais simples para que elas fizessem coisas que já faziam antes.